26 março 2010

Se não há tentação, não há necessidade de alterar a verdade.

Por princípio, confio mais numa notícia lida num blogue do que num jornal. Cada um pode escrever o que lhe apetece e isso leva-me a preferir alguém que o faz sem ser a troco de dinheiro.

A falta de interesse monetário nessa emissão de palavras dá-me aquele confortozinho da mensagem menos influenciada ou manipulada por factores externos à vontade de quem a escreve.

Factos deturpados, por factos deturpados, prefiro os de quem nada tem a ganhar com isso.

18 março 2010

Acho que o mealheiro para o taxidermista pode ser partido por isto.



Barenjager (Bear Hunter) por Lise Lefebvre (2009)

12 março 2010

Poupem os portugueses às fantochadas dos inquéritos, sindicâncias ou processos.

Numa análise ao panorama político, ético e de apuramento de responsabilidades em Portugal, simplifico a minha observação e exigência. A falta de consequência dos malabarismos político-judiciais a que temos assistido nos últimos tempos poderá reflectir-se em três perguntas simples:

- Quem vai preso?
- Quem vai pagar tudo o que deve ou roubou?
- Quem é que vai ser demitido ou demitir-se das suas funções?

Tristemente percebemos que a resposta às questões anteriores é a mesma: ninguém.

Assolado por uma tristeza perante a verdade da vida portuguesa, dou comigo a pensar numa das funções mais importantes das forças armadas de qualquer país: garantir a segurança e funcionamento da sociedade civil quando mais nada o consegue fazer. Claro que isto é apenas uma golfada delirante da minha mente.

Snow White coffin.



Esta é uma alcunha tão perfeita como o objecto que a adoptou.
Gira discos SK4 da Braun, desenhado em 1956 por Dieter Rams.

03 março 2010

Verdade desportiva:



A actuação dos All Blacks, a selecção neozelandesa de rugby, antes de cada jogo, com a Haka - uma dança de intimidação Maori - é uma coisa ridícula.

01 março 2010

Eu também odeio tudo o que é moda.



Uma pequena entrevista com o designer Dieter Rams e um dos momentos mais altos deste blogue, pois então.